Postagens

Mostrando postagens de Junho 24, 2017

Nós e os muitos que somos

Imagem
Nós, seres humanos, vivemos divididos entre “muitas pessoas” que habitam em nosso interior. Por isso, frequentemente, nos deparamos com conflitos internos. Existem momentos que queremos algo, passa um instante, não queremos mais! Há situações que nos sensibilizam, já há outras que ficamos indiferentes. Determinadas vezes somos solidários, outras não queremos saber de ajudar. No mesmo dia, passamos por alterações emocionais, desde estarmos alegres até sentirmos a mais profunda tristeza! Por isso, somos muitos! Muitos que criamos, desenvolvemos e alimentamos dentro de nós. Por vários motivos, sejam bloqueios, ressentimentos, traumas, defesas e outras razões, fomos construindo moradias para esses habitantes em nosso interior. São moradores que se alimentam de nossos medos, culpas, inseguranças, mágoas e toda sorte de sentimentos e emoções, por isso, existem momentos que ficamos perdidos, sem saber quem, de fato, somos! Para lidarmos com essa divisão em nós é importante a atenção serena a…

Vida, um mistério a ser vivido!

Imagem
Vivemos buscando sentido para nossa existência. Amamos, sofremos, temos uma diversidade de experiências, situações, momentos e contradições. E a vida, em contrapartida, nos traz aquilo que precisamos perceber para despertar do que nos faz mal e nos impede de avançar! Movimento é vida, por mais que nos sintamos sozinhos, não estamos, pois conosco o invisível caminha nos apoiando para que sejamos unos com o nosso SER! Cada situação é uma oportunidade de expansão e elevação. Queremos encontrar nosso propósito! E a vida nos direciona para isso! Precisamos estar atentos aos toques que a vida nos dá. Situações que se repetem, pessoas que aparecem em nossas vidas, perdas, descobertas, mudanças, oportunidades, realizações, revelam muito sobre nós e o que a vida quer nos revelar! Na verdade, viver é simples, porém, nós complicamos com nosso medo, orgulho e egoísmo. Criamos muralhas internas, nos afastamos de nossa Fonte Primordial e dos outros Seres. Encarceramos nossa essência em uma falsa seg…