Simplesmente,SER ! - Ver tudo com os olhos da criança inocente,que fomos um dia ! Com as nuvens flutuar ! Observar as estrelas e imaginar quem as habita ! Sentir o vento e ter vontade de voar ! Se aquietar no silêncio da noite e em seu mistério adentrar! Apreciar os encantos da Natureza: o céu,o mar e o Sol à nos iluminar ! E,nesse envolvimento se harmonizar ! Com os animais se sintonizar, reconhecendo a inocência de sentir e olhar , refletindo a pureza de viver e amar! E,nessa vivência ter simplicidade,e confiar,para fluir com a Vida e se soltar ! Deixando a Alma transbordar ! Em cada movimento poder se expressar ! Ao som da música ,do SER, dançar! Em sua ritmo fluir e se deixar guiar! Com cada nota musical , uma melodia compor e vivenciar! Toda sua Luz poder irradiar! Tal como o Sol ,brilhar ! Em consonância com a Natureza criar ! E,nessa integração ,se revelar! Nessa liberdade,o Ser nos move à seguir em frente e caminhar , na estrada da Vida , seus mistérios desvendar! Nessa descoberta se autorrealizar ! Então, despertar para a Realidade,de que ,mesmo em meio à dificuldade, pode-se conhecer a REAL Felicidade,e sentir a Verdadeira Liberdade ,pois em cada um de nós habita a Eternidade! Texto e edição de vídeo_Deise Aur Música:-Heart of Silver-Creative Issue

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Sejamos como as crianças e os animais ! // Texto de Flavio Siqueira // Não seja agnóstico, nem ateu, nem cristão, nem budista, nem teísta, nem humanista, nem capitalista, nem comunista, nem nada que lhe roube a liberdade para crer, descrer, construir e, se for o caso, desconstruir. Ande com as próprias pernas ou quem sabe voe com suas próprias asas. Que a paz seja seu árbitro na caminhada e a consciência a estrada que lhe projeta sobre o caminho do entendimento e da liberdade. Sejamos como as crianças, os animais, os simples de coração. Eles não tem “ismos” nenhum, não defendem nenhuma tese, nem doutrinas, não se incluem em teoria alguma, no entanto seguem puros em sua ignorância iluminada, na paz de quem sabe, mesmo sem saber que sabe. Felizes, pacificados, alheios às nossas tolas filosofias e discussões, atentos em simplicidade ao que realmente importa. Sejamos livres ! - flaviosiqueira.com

INFINITA PRESENÇA